• Digg
  • Facebook
  • Twitter

Lisbela e o Prisioneiro

Compartilhar

Lisbela e o Prisioneiro, 2003

"O amor me chamou pra um outro lado e eu fui atrás dele. Eu pensei que se eu não fosse, a minha vida inteira ia ser assim. Vida de tristeza, vida de quem quis de corpo e alma e mesmo assim não fez. Daí eu fui. Eu fui e vou, toda vez que o amor me chamar, vocês entendem? Como um cachorrinho, mas coroada como uma rainha". (Lisbela)

"Quando a gente ama uma pessoa, o que a gente mais quer nesse mundo?" (Leléu)
"Ah, é ficar bem juntinho." (Lisbela)
"Pronto. Tão juntinho, tão juntinho, que como diz o poeta: 'Transforma-se o amador na coisa amada, por virtude do muito imaginar, não tem o algo mais que desejar, pois já tenho em mim a parte desejada.'" (Leléu)

"Deixe de ser besta que eu não lhe dei essa ousadia." (Leléu)

A senhora é doce como as chuvas de caju... Que caem de repente no calor mais duro de novembro. Linda como um vento num pasto bem grande. Dona Lisbela, a senhora para mim é a bandeira brasileira. Uma bandeira bem grande. E Leléu Antônio da Anunciação é o mastro para a senhora. (Leléu)

"E quem garante é Leléu Antônio da Anunciação, mais conhecido como Leléu das moças." (Leléu)

"Largaris esse alesadus e me encontraris atrás da igrejas...Et Espírito Santis... Amém." (Leléu)

"O amor é um estranho passarinho: canta sem ter pena, nasce sem ter ninho". (Leléu)

"Viver é que nem andar de bicicleta. Se parar, cai." (Leléu)

"E dizem que para cada mulher que odeia um homem é um ano a menos que ele vive." (Leléu)

"Pra entrar é quatro cruzeiros." (Leléu)
"Mas eu não vou ficar." (Douglas)
"Mas o preço é pra entrar, não é para ficar. Pra entrar é 4 cruzeiros." (Leléu)

"E você teria mesmo coragem de matar um filho de Deus sem motivo nenhum?" (Leléu)
"Coragem, não tenho não. Eu tenho é costume." (Vela de Libra)

"Passei e noite toda tentando decidir o meu destino; E eu sabia que ele já estava traçado. Era como sacudir uma moeda pra cima e vê-la caindo, sempre do mesmo lado; Como apostar numa roleta viciada que toda vez para no mesmo numero. Como um baralho de cartas marcadas..." (Lisbela)
"Mas que roleta? Que baralho?" (Douglas)
"A roleta do amor, Douglas, e vc perdeu". (Lisbela)
"Como se eu nem apostei?" (Douglas)
"Pois é, e Leléu apostou todas as fichas". (Lisbela)

"O amor é um precipício: quando a pessoa acha que está voando, talvez já esteja caindo". (Lisbela)

"Se Deus criou algo melhor que mulher, deve ter guardado só pra Ele." (Leléu)

"Vá logo que a bondade é que nem chuva no Sertão: demora pra vir, mas quando chega não molha muito." (Frederico Evandro)

"Lembrar do passado é sofrer duas vezes." (Inaura)

"A graça não é saber o que acontece. É saber como acontece e quando acontece." (Leléu)

"Porque quem tem coragem não gosta de viver pedindo ajuda. Mas dever favor a um sabido é o mesmo que dormir de porta aberta." (Leléu)

"Eu tenho medo também. Mas não tenho medo de ter medo". (Leléu)

"Vá. E seja feliz...Se puder." (Delegado Nogueira)

"Você quer o seu caixão com seis ou com quatro alças?" (Frederico)
"Tanto faz. Já o seu vai ter que ser bem comprido, que é pra caber os chifres." (Inaura)

0 comentários:

Postar um comentário

 

Followers

Marcadores

Qual destes gêneros você prefere?

Contador


Copyright 2010 Quando o Filme Fala - All Rights Reserved.
Designed by Web2feel.com | Bloggerized by Lasantha - Premiumbloggertemplates.com | Affordable HTML Templates from Herotemplates.com.